terça-feira, 20 de novembro de 2018

Touradas - cultura ou tortura?

Depois de ter visto o debate de ontem no programa da RTP Prós e Contras, sobre se as touradas são um espetáculo de cultura ou de tortura, começo a ficar preocupado.
Receio que qualquer dia, com tanto fundamentalismo, os animais irracionais tenham mais direitos do que eu…

Paulo Sopinha de Amaral

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Colômbia ameaça cortar relações diplomáticas se Maduro iniciar novo mandado

Colômbia ameaça cortar relações diplomáticas se Maduro iniciar novo mandado: A Colômbia vai romper relações diplomáticas com a Venezuela se Nicolás Maduro iniciar novo mandato como Presidente do vizinho país, a 10 de janeiro, disse o chefe de Estado colombiano, Iván Duque.



Goste-se ou não da criatura, simpatize-se ou não com as políticas levadas a cabo pelo Presidente da Venezuela, ninguém nem nenhum estado tem o direito de influenciar e imiscuir-se em outro estado, muito menos impor sanções se este ou aquele vão a votos e sejam eleitos.

Ainda para mais, quando se "tem telhados de vidro"...



Paulo Sopinha de Amaral

sábado, 20 de outubro de 2018

O turismo mata

O turismo mata a essência do  Lisboeta e da cidade de Lisboa.
Só quem manda e quem tem interesses nesta questão éque não quer ver esta realidade.
Nas notícias de hoje fala-se que a última mercearia do Bairro do Castelo irá fechar em proveito do turismo.
Perde-se a natural idiossincrasia do Povo que ainda habita no centro de Lisboa.
Esta questão deveria deixar o presidente da câmara  preocupado.
Mas não deixa. Para nosso mal.

Acordai, Povo, Acordai.

Paulo Sopinha de Amaral

sexta-feira, 5 de outubro de 2018

5 de outubro

Ouvi, com muita atenção, o discurso do PR e as reações de alguns responsáveis políticos.
Ambos, o discurso e as reações, foram unânimes: não pode haver um tratamento errado da Instituição Militar
Mas pergunto eu:
Poderá haver defesa da instituição, sem uma defesa assertiva dos Homens e Mulheres que nela prestam serviço?

Paulo Sopinha de Amaral

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

O turismo em Lisboa e o Medina

O presidente da CML, numa recente iniciativa sobre o turismo afirmou que o problema da habitação em Lisboa não é culpa do turismo.
Se alguma vez estarei de acordo com o presidente das CML, é esta.
Corroboro a afirmação do senhor.
E digo mais.
A culpa do problema da habitação em Lisboa, deve ser inteiramente assacada ao presidente da CML. A Fernando Medina!
A um executivo da CML que apenas olha para a cidade com olhos de especuladores imobiliários, que apenas se preocupam em criar alojamento para os turistas que enchem os cofres da CML mas que esvaziam a cidade dos Lisboetas.
A culpa da habitação é deste executivo, e daquele que se tornou no super-vereador que preferem obras megalómanas em detrimento da habitação para os que preferem não abandonar o centro da cidade.

Paulo Sopinha de Amaral

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

A Minha Cidade

Dez e meia da noite.
Praça do Comércio.
Como é bonita a minha Cidade sem os "arrastões" de turistas que por aqui proliferam durante o dia.
O dinheiro não é tudo na vida.
O bem estar dos muitos que ainda cá vivem deve prevalecer em relação aos euros que alguns, conjunturalmente trazem para proveito de poucos.

Paulo Sopinha de Amaral

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Médias e rácios

Ontem a secretária de estado da educação disse que não havia falta de auxiliares nas escolas, e algumas penalizando cerca de 3600 alunos não abriram por essa lacuna, afirmou, no que foi secundada pelo ministro em declarações proferidas hoje, que não há falta de auxiliares nas escolas porque "o rácio está a ser cumprido".
Hoje perante a notícia que há quem espere cerca de 9, nove, meses para começar a receber a sua pensão de reforma, o ministro afirmou que a "média da espera para receber a primeira pensão de reforma ronda os cento e sessenta dias".
Numa ocasião como na outra percebe-se bem o paradigma deste governo: tudo se resume a rácios e a médias.
O bem estar dos pais e encarregados de educação, dos trabalhadores que ao fim de uma vida de descontos ainda têm que esperar e alguns deles recorrerem aos seus familiares para poderem comer, não conta para nada para estes mentirosos que nos estão a governar.
Já agora meto neste comentário o PR.
Tendo sido ele professor, não pode dizer que está tudo bem e a correr conforme sugerido pelo governo, quando há tantos e tantos jovens ainda sem aulas.

Paulo Sopinha de Amaral.

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

A entrevista

Sinceramente, não gostei de ver a SIC a transmitir umas entrevista a uma apresentadora de televisão.
Não faz qualquer sentido, que o tempo de antena dado á senhora no boletim noticioso do " prime time" tenha sido ocupado durante meia hora com a entrevista a essa senhora.
Faço parte daqueles que pensa que os telejornais devem ser para dar notícias e não para servir de mais um programa de entretenimento.

Paulo Sopinha de Amaral